Ano Novo: Novo oportunidade para aceitar Jesus

Ano Novo: toda vez é a mesma coisa. Famílias que passaram o ano inteiro se maltratando, de repente são possuídos por uma esperança renovada e se preparam para um ritual supersticioso que despertem o interesse dos DEUSES. Pedem que os deuses lhes proporcionem um ano de saúde, paz e amor.

O intuito de atrair atenção dos DEUSES, ultrapassa os limites da inocência, na medida que as pessoas praticam atos que normalmente não praticariam: moças escolhem suas roupas íntimas adequadamente ao dia, homens se vestem de branco, todos passam noitada a beira do mar e comem alimentos consagrados aos seus deuses.

Neste dia todos esquecem daquele JESUS a quem reverenciaram seis dias antes. O deus desse dia passa a ser POSEIDON, ou talvez NÁUTILUS, ou até mesmo IEMANJÁ.

E aí vai começando o ano em que tudo vai continuar da mesma forma.

Mas, em meio a tanta confusão religiosa, sobrevivem pequenas igrejas EVANGÉLICAS que se dispõem a oferecer um lugar onde as famílias possam buscar ao DEUS VERDADEIRO, o Salvador de nossas almas. E é em Jesus que depositamos nossas esperanças de salvação para um país tão bonito e tão abençoado.

Feliz 2018!

Pr. Carlos